Busca por Assunto

Medicina Fetal

Exames especializados para diagnóstico pré-natal dos defeitos genéticos

Amniocentese

Análise do Líquido Amniótico, que contém células que descamam do corpo do feto. Com auxílio de ultra-som, ele é retirado por uma agulha fina que atravessa o abdômen. Pode ser feita a partir da 13ª semana de gravidez.

Cordocentese

Uma agulha especial retira da veia umbilical uma amostra do sangue do feto. Essa técnica permite o diagnóstico de doenças infecciosas, Hemofilia e Anemia Falciforme, entre outras, e abre a possibilidade para transfusões intrauterinas, um grande avanço para fetos sensibilizados por fator Rh, cujo sangue precisa ser trocado logo após o nascimento.

Exame da amostra do Vilo Corial

Guiado pelo ultra-som, o médico introduz um tubo fino pela vagina e pelo colo do útero até chegar à região da placenta, de onde retira algumas células (semelhantes às do feto). O método é praticamente indolor, não necessita de anestesia, e deve ser feito entre a 9ª e 11ª semana.

A amostra do Vilo CoriaI pode ser também recolhida por uma agulha que perfura o abdômen e é dirigida até a placenta. Utiliza-se anestesia local.

Grávida Feliz Grávida Feliz